sexta-feira, julho 15, 2011


If you love me....



   Vejo os textos escritos e relacionados e você, nesse momento eu sinto como se não valesse a pena escrever sobre você, sinto como se as minhas palavras não valessem nada, sinto como se eu significasse nada pra você.
E como eu queria ter a coragem de te esquecer como fiz da primeira vez, como eu queria te olhar e não sentir absolutamente mais nada, mas olho nos teus olhos e seu sorriso ainda me cativa.
   Mas tenho medo sim, medo de que o que eu queira, não seja o mesmo que você queira, medo de me decepcionar com alguém novamente, de ser magoada.
   Com o tempo, eu fui desistindo do amor, mas acho que ele ainda não desistiu de mim, então vivo os meus dias para mim, só para mim, não quero depender de alguém para que eu me sinta feliz, mas caso esse alguém um dia venha a aparecer, será bem recepcionado e eu o amarei, juntamente com os defeitos.
Amamos alguém, não pelas qualidades em si, mas sim pelos defeitos, sim, aqueles mais irritantes e quase impossíveis de se retirar, afinal, são eles que ficam martelando na nossa cabeça.
   Não digo então, que mudarei para agradar alguém, posso sim rever os meus erros, pensar antes de falar para não magoar como já fui magoada, mas a minha forma de ser, essa terá que ser aceita por quem um dia me amar.
0

0 comentários:

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t